Guia do Facebook para usuários do Orkut

Então você curtia e estava acostumado com o Orkut e, de repente, seus amigos passaram a lhe enviar convites para a nova rede social da moda. "Orkut já era", você ouviu.

Foi conferir e achou-a estranha, uma "droga", um "lixo" (palavras comuns usadas para se referir ao Facebook, especialmente nos fóruns do próprio Orkut).


Pois este pequeno guia foi criado após observar a enorme rejeição do Facebook por parte de alguns usuários da rede social do Google. Não temos a intenção de convencer ninguém a "migrar" para o Facebook, nada disso, apenas apontar que o desprezo de parte dos usuários pode estar fundado também em um equívoco:


"O Facebook substitui o Orkut"

Já que toda a mídia falava do assunto (de modo geral, contrapondo uma rede à outra) e seus amigos enviavam convites, você resolveu ir conhecer. E já que era uma "rede social" você, naturalmente, comparou-a àquela que você já conhecia faz tempo. "Cadê as comunidades?" terá sido, provavelmente, sua dúvida inicial. "Cadê minha lista de amigos? Como envio um scrap?"

A questão toda foi tentar usar o Facebook como o Orkut, e encontrar nele as funcionalidades com que estava acostumado. E essa também é uma das razões porque não tentaríamos te convencer a mudar para a nova rede: O Facebook não substitui o Orkut! Mesmo que você encontre nele recursos como os "grupos", que remotamente lembram as comunidades do Orkut, eles não se comparam - e nem são o  foco - do Facebook. Ao que chegamos ao seguinte corolário: se você gosta das comunidades do Orkut, continue usando-as. Não existe atualmente nenhuma rede social em português que rivalize, nem de longe, em abrangência e audiência com os fóruns do Orkut. Embora, por outro lado, existam sim, diversos fóruns sobre assuntos específicos (por exemplo fotografia e informática), inclusive no Facebook, que superam com folga os do Orkut em qualidade e atividade.


Usabilidade "insana"

Tudo bem, já descobrimos que o Facebook não se sobrepõe ou substitui o Orkut em seus recursos. A próxima coisa a descobrir é que, ao que tudo indica, os projetistas do Facebook matavam as aulas de usabilidade lá em Harvard para beber cerveja ou sei lá o que. A interface do Facebook foi desde sua criação, e em diversos aspectos ainda é, a pior entre os grandes sites da internet. Tenha isso em mente e siga as nossas dicas para ir se acostumando.

Para efeitos de comparação, no Orkut, como você vê sua lista de amigos? Atualmente, na nova interface, há um um pequeno painel no lado direito, que lista todos seus contatos. Para remover um, você deve clicar para ir até o perfil dele e ali selecionar "Remover amigo". Aqui também há uma opção anti-intuitiva: se você clicar no ícone "Gerenciar" no alto da caixa "Amigos", você será levado para a área de configuração de grupos de amigos e não de amigos individualmente, como seria de esperar.

Mas no Facebook é pior. Você pensava que o link "Localizar amigos", em destaque na barra esquerda e/ou no menu superior direito, iria te levar para sua lista de amigos? Doce ilusão... Ele te leva para o recurso dos convites, ou seja, é ali que você aprova ou rejeita os pedidos de amizade, convida contatos de outros sites (serviços de email, Skype, etc) ou vê uma lista de sugestões de pessoas a adicionar. "Bom, se não é ali, devo ver minha lista clicando no ícone de duas pessoas, ao lado do logo do Facebook..." Errado de novo! Esse ícone leva à mesma função de "localizar amigos" (O site te oferece obsessivamente uma maneira de você chamar outras pessoas pra rede.) "Ah haa! Já sei! Aquele link 'Amigos', mais embaixo, na mesma barra lateral esquerda, é ali que vejo minha lista! Descobri!". Não, sinto muito. Você não está lembrando o que dissemos ali em cima, que você deve estar consciente da interface anti-intuitiva, quase insana, do Facebook. Esse link "Amigos" leva para uma funcionalidade de agrupamento de contatos, similar àquela do Orkut de que falamos no parágrafo anterior. "Então fala logo, porra! Como vejo meus amigos?!?!" Para ver seus amigos, você deve clicar em seu próprio nome (exibido tanto na parte superior da barra lateral esquerda ou no menu superior, à direita), e em seguida clicar em "Amigos". Não foi tão difícil assim, vai...

Outro exemplo de interface anti-intuitiva? Como você pega os links para os posts do Facebook? Não, não é através do título. Tente lá antes de ver a resposta! Conseguiu? Esqueça a forma como você interage com outros sites! Treine o desapego da sua intuição! Para pegar os links... vc deve clicar em algo que a princípio nem parece link: na data de publicação. Ao passar o mouse sobre a data (que exibe coisas como "há 1 hora"), você perceberá que ela é um link, e é justamente para o post no Facebook.


Ok, mas se os grupos ficam relegados a um segundo (ou terceiro) plano,

O que há de legal no Facebook?

O legal (que também pode ser seu inferno; já já ensinaremos como filtrar o que você vê, aumentando exponencialmente o valor da rede social) está em seu stream, nas atividades que você pode acompanhar (seguir). Aliás, esse conceito de "seguir" é um dos grandes baratos promovidos por sites como o Twitter, Facebook, Tumblr, e mais recentemente, o Google+. Antigamente, o que acontecia? Um amigo seu encontrava algo super-ultra-interessante e corria para o email para compartilhar com todo mundo. O problema dessa abordagem é que, certamente, um ou mais dos contatos dentro do "todo mundo" poderiam não achar aquele artigo tão interessante assim (ou achá-lo um saco mesmo!). A implementação do conceito de "seguidores" veio para resolver isso, permitindo que as pessoas "assinem" apenas aquele conteúdo que mais lhes interesse.

Então, uma das primeiras coisas que recomendamos fazer para curtir de verdade o Facebook é utilizar suas ferramentas de filtragem para as atividades dos seus contatos. Note que se você já tem muitos amigos, isto pode ser enfadonho, embora compensador no longo prazo.

Entre no perfil de um amigo (ou clicando em seu próprio nome em seu perfil, e em seguida em "Amigos", ou, de maneira mais fácil, começando a digitar seu nome no campo "Procurar", na área superior do Facebook) e coloque o mouse em cima do botão "Amigos":


Nossa sugestão é de que você desabilite o "Mostrar no Feed de notícias" para os seus amigos mais distantes.

Clique em Configurações, logo abaixo da opção anterior, para ajustes mais finos:


Você poderá marcar "Todas as atualizações" para sua(seu) namorada(o), sua mãe e alguns amigos mais próximos, e clicar em "Somente atualizações importantes" para contatos um pouco mais afastados. Existe ainda a possibilidade de selecionar o tipo de atualização que você deseja ver. Você pode optar por ser notificado, por exemplo, sobre as as atualizações de status de um contato, mas não sobre suas atividades em joguinhos. Utilize seus próprios critérios.


Feito isto, vamos aprender a

Adicionar conteúdo interessante ao seu stream (linha do tempo) no Facebook

Essa é uma das funcionalidades mais interessantes na rede, sem paralelo no Orkut. 
Para adicionar páginas de assuntos de seu interesse, você pode começar utilizando o campo "Procurar", que fica lá em cima. Digite algo, por exemplo "biologia", veja se alguns dos resultados sugeridos podem te interessar, ou já clique em "Ver mais resultados para", na parte inferior da janelinha de resultados. Recomendamos que você os filtre por "Páginas":


Vasculhe os murais das páginas e Curta aquelas que achar mais atraentes.

Existem milhares de páginas e grupos cujo conteúdo você poderá assinar, de acordo com suas preferências pessoais. Indicamos alguns:

BBC Brasil
Provavelmente o mais imparcial site de notícias do planeta, especialmente no que tange à cobertura internacional. Se você quer notícias oficiais do partido comunista de Cuba, acompanhe o Gramma. Se você quer informação oficial do Departamento de Estado norte-americano, ou notícias orientadas a/por esta ou aquela igreja, talvez baste ler alguns dos grandes jornais brasileiros. Se busca um jornal um pouco mais isento, sugerimos o da BBC.

Newsgula
Nossa própria página no Facebook! "Marmelada!" Curta aqui.
Siga-nos também no G+

Ilustrações científicas
Imagens e animações para cientistas. Aqui.

Saúde e bem-estar
Ciências do Comportamento

Finalmente, mas não menos importante, para que seu humor e paciência não sejam postos à prova no Facebook, é preciso aprender a lidar com alguns aplicativos chatos que não param de enviar solicitações. Espero que neste ponto você já não se surpreenda, mas a maneira de bloqueá-los no Facebook, embora fácil, não é intuitiva. Criamos um post onde mostramos, passo-a-passo, como proceder. Veja aqui

Curtiu? 

Compartilhe
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...